domingo, 5 de junho de 2016

Marina Silva e uma mocajubana que virou Matinta!


Foto: Welhington Paes

Essa semana que passou estive alguns dias com nossa porta-voz nacional da Rede de Sustentabilidade, Marina Silva.


Dias incríveis, para trocar experiências e aprender muito. 
Novamente.



Boas práticas políticas sem dúvida a gente aprende com quem ás vive rotineiramente.
Marina é ética,
Profundamente culta,
Pensa muito rápido e é extremamente generosa.
Quando mais a conheço, mais a admiro.
Posso não ser "marinista" no sentido do culto a uma pessoa,
Mas sem dúvida, sou marinista na defesa de um modo ser.
Um modo de viver boas práticas políticas;




Conviver com Marina é uma grande oportunidade de se aprender a ser melhor.
A manter a firmeza de propósitos.
E como nos conduzir dentro de uma trajetória para passar a limpo a política;
E resgatar sua importância e credibilidade diante das pessoas.





Estes dias de vivência ao lado dela,
Vi seu lado humano diante de uma leve crise de pressão.
Senti profundamente, pensei: ela não é imortal.
Mas, olhando novamente sob outro ângulo, percebi sem dúvida de sua imortalidade.
O conhecimento profundo da política e da realidade brasileira fica menor diante de sua grande capacidade para ação política e para o reinventar a política pelo exemplo.
Liderar pelo exemplo.
E nos ajudar a sermos sempre melhores,




Sua aparente fragilidade desmanche-se diante de seus argumentos. Da autoridade dos argumentos.




E entendo, quando diz que pessoas virtuosas constroem instituições virtuosas que produzem instituições virtuosas. E tentamos fazer isso criando e operando um partido em Rede, diferente de tudo que já se viu no país. 
Não pronto, mas em construção cotidiana.
Democratizar a Democracia 
Primar pela horizontalidade e não por decisões verticais,
Dialogar com respeito,
Respeitar a diversidade,
Construir a sustentabilidade por inteiro.






Sem dúvida, com todo respeito a quem segue políticos tradicionais, eu não vejo como convivermos com canalhas e não sermos levados a canalhice. 
É preciso aliar-se a quem busca levar  a cabo novas práticas políticas.
E tem a generosidade de ensinar.





Eu sinto que estou onde sempre deveria estar.
Rede de Sustentabilidade.
Ao lado de Marina.
Marina Silva.
Imortal.


Foto: Welhington Paes

sexta-feira, 6 de maio de 2016

Mocajuba: a era da transparência chegou

Está no ar o site para divulgação das contas públicas mocajubenses.
Veja,

http://www.governotransparente.com.br/acessoinfo/4477490/consultarliqdesporcpessoal

A transparência é uma questão republicana - que fortalece a democracia. Ao saber sobre o uso dos recursos os municípios é estimulado a participar, agir. Sente-se mais próximo do governo e parte dele.

Destaquemos,

Nosso portal foi posto por força da pressão do Ministério Público de Mocajuba (PA) - muito tempo após o estabelecido pela lei.

Em tempos da era da informação e das ferramentas intuitivas o site parece feito para esconder.

Contudo, um avanço.
Não do governo - obviamente.
Mas da democracia mocajubense.
Avancemos.

quinta-feira, 5 de maio de 2016

População Volta a denúnciar crimes ambientais promovidos pela prefeitura municipal de Mocajuba (PA)

reprodução internet


A denúncia foi feita pela mocajubano Paulo Baía e está circulando nas redes sociais depois de inúmeras reclamações pontuais de crimes ambientais praticados pela prefeitura no que tange ao não gestão de resíduos sólidos.  



A continuidade do lixão e não construção do sistema de tratamento expõe a população a vários tipos de poluições, com destaque para a poluição derivada da queima sistemática do lixo e contaminação do ar; e da contaminação dos igarapés, a exemplo do Maia, e do Igarapé do Ipixuna.


O desabafo diz: 

Onde está o ministério público de Mocajuba que não vê está situação prefeitura de Mocajuba despeja todo tipo de lixo na beira da PA 151 bem próximo a cidade e os vereadores onde estão?


A ausência total da gestão dos resíduos sólidos é um problema crônico em Mocajuba (PA). Os últimos governos anteriores a Rosiel Costa (PA) nada fizeram e saíram com graves problemas com  as leis que regem os princípios administrativos. 



A gestão ambiental é uma ferramenta importante do desenvolvimento sustentável e infelizmente mesmo após vinte anos de criação do Sistema Nacional de Meio Ambiente (Sinama, clique aqui), uma estrutura nacional que ordena a questão ambiental , Mocajuba não possui Secretaria de Meio Ambiente, e consequentemente o sistema municipal de meio ambiente também não está construído.


Ou seja, no que se refere a questão ambiental em sentido largo, estamos no período das trevas em Mocajuba (PA) nossos governantes e legisladores vivem com as intenções voltadas aos seus interesses privados. 




Enquanto isso, a vassalagem diretamente associada segue com olhos mudos e vigilante pelo momento em que pode obter algum privilégio. 



Muda e surda a vassalagem diretamente associada a velha oligarquia - seja do grupo de A, B , ou C - (Rosiel, Amadeu, Zé Antônio...) não pode tem conseguido manifestar-se e, mesmo insatisfeita espera - posto que pode sobrar um cargo, uma vantagem, uma amizade no núcleo do poder para fazer mais importante.





Infelizmente, é no jovem e que temos que buscar as mudanças sob pena de aumentar nosso flagelo.




A Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), que foi sancionada em 2 de agosto de 2010, determina ações importantes neste campo: 

1.a extinção dos lixões do país, 
2. implantação da reciclagem, 
3. reuso; 
4. compostagem;
5. tratamento do lixo;
6.Coleta seletiva nos municípios.


A desculpa são é sempre a falta de recursos financeiros. Contudo, devemos nos perguntar;

Isso é realmente verdade? 
Ou a prefeitura  poderia  avançar neste campo se tivesse vontade política, preparo e compromisso?


O fato é que se não está sendo cumprida a lei, a situação é de ilegalidade. Neste caso, cabe a população formalizar denuncia ao Ministério Público para que ajustes sejam mínimos sejam feitos. 
Informe-se leia sobre a lei aqui,










domingo, 1 de maio de 2016

Dona Titó! Muitas décadas de conhecimento! Parabéns do Blog.

Dona Titó e Carmen Américo
Sogra e Nora.
É sempre uma dificuldade expressar emoções;
Parabenizar quem se ama.
Mas é sempre o caminho necessário da vida.

Dona Titó,
Guerreira,
Ribeirinha Amazônica,
Agricultora
Pescadora
Extrativista,


E a gente precisa olhar as mulheres idosas como fonte de saber, inspiração e conhecimento,
Especialmente as amazônidas.
Que aprenderam com a floresta,
A magia da vida.



Conversar com ela é sempre uma inspiração para mim.
Parabéns Titoca.

Pará: Violência contra Mulher! Aumentou 78% no Pará. Quanto aumentou em Mocajuba?

reprodução
internet

Importante  reportagem do Jornal o Liberal. Compartilhamos com vocês com muito tristeza. O machismo possui muitas estratégias de dominação. Dentre elas estão as mais covardes e sutis - e tão ruins quanto a sua sua face mais violenta e a assassina. Por isso, o empoderamento feminino é uma obrigação de toda sociedade. Desde as idades mais tenras.

Mas é também questão primeira para a política pública em todas as esferas. A esfera privilegiada de ação é a escala municipal que está próximo e diretamente ligada aos cidadãos e cidadãs.





Veja.

O Ligue 180 registrou ao longo do ano passado cerca de 11 relatos por dias de agressão a mulheres no Pará, com um total de 3.927 ligações - taxa de 116,80 agressões a cada grupo de 100 mil mulheres do Estado. O número é 78% superior ao registro de 2014, quando foram anotadas 2.206 denúncias do Pará.


Os dados são do Ministério das Mulheres, da Igualdade Racial e dos Direitos Humanos, levantados a pedido de O LIBERAL, com base nas ligações recebidas pelo telefone da Central de Atendimento à Mulher (Ligue 180), um disque-denúncia que é a principal porta de acesso aos serviços que integram a rede nacional de enfrentamento à violência contra a mulher.


Desse total, 1.274 denúncias (32,5%) foram para relatar agressão física, o que representa mais de três acusações desse tipo de violência por dia. É quase o dobro do número denunciado no ano anterior, que fechou com 793 registros. O segundo tipo de violência mais relatado foi o de agressões psicológicas, com 625 ligações (16%).


A perseguição de mulheres, por exemplo, é um tipo de violência que se enquadra nessa classificação. Em média, elas responderam por uma em cada cinco denúncias que chegaram à central de atendimento, provenientes do Pará. Na passagem dos dois últimos anos, essa violência apresentou um acréscimo de 212 novos registros.


Ainda segundo o balanço de 2015 do Ligue 180 no Pará, em 66,3% dos casos relatados de violência contra a mulher (2.603) há a chance de feminicídio. Das 3.927 ligações relatando violência, 75% dos denunciantes informam episódios recorrentes de violência, com casos semanais de agressão. A Lei do Feminicídio – Lei nº 13.104, de 9 de março de 2015, tornou o assassinato de mulheres qualificado quando feito por menosprezo à condição de mulher.



Outro caso que possui alguma frequência é o de cárcere privado, com 124 denúncias no decorrer de 2015. Já o número de relatos de violência sexual é ainda maior, com 157 relatos, o que corresponde no Pará a um caso a cada dois dias. De acordo com o balanço, em comparação com o mesmo período em 2014, a Central de Atendimento à Mulher registrou aumento de 726,6% das denúncias de cárcere privado e de 324,3% nos casos de estupro. Apesar dos dados serem preocupantes, o Ministério das Mulheres avalia que o aumento dos relatos mostra a conscientização da população perante a importância de realizar a denúncia.





O levantamento mostra que é em casa que as mulheres paraenses são violentadas. Em 68,3% casos denunciados, a violência descrita foi doméstica ou familiar, sendo o atual companheiro da vítima o principal agressor (52,9%). O cônjuge também aparece como agressor em 15,2% dos casos e os ex-companheiros em 16,3%.


O tempo de relação das vítimas com os agressores aparecem como duradouros, sendo de 30,5% acima de dez anos e de 18,7% entre cinco e dez anos. Outra característica, é que na maioria dos casos em que a vítima possui filhos, eles presenciam a violência - um em cada quatro registros. Em quase 10% das denúncias, os filhos e filhas dessas mulheres também sofrem violência.



Já na análise do perfil dos denunciantes paraenses, surgem nas primeiras posições as próprias vítimas, com 45,4% dos registros, seguido pelos vizinhos, com margem de 4,1% dos casos. O serviço de denúncia funciona há mais de nove anos e já realizou mais de 4 milhões de atendimentos. Desde 2014, a Central de Atendimento à Mulher – Ligue 180 acumula também as funções de acolhimento e orientação da mulher em situação de violência. O serviço também está disponível para brasileiras no exterior. São 16 países entre América Latina, Europa e América do Norte.




Feminicídio
Completou um ano na quarta-feira, 20, de abril o assassinato da jovem Ingred de Kássia Israel, considerada a primeira vítima cujo crime foi enquadrado na tipificação de feminicídio no Pará, e o suspeito, que era o namorado dela, está preso em uma unidade do Sistema Penitenciário do Pará aguardando julgamento.
De acordo com a Polícia Civil, ele confessou o assassinato, mas afirmou, em depoimento, que agiu em legítima defesa. A estudante foi encontrada morta com perfurações no corpo dentro de sua casa, em Ananindeua.

quinta-feira, 28 de abril de 2016

conhecendo e cuidando da pele oleosa.

Olá amores, tudo bom?

Hoje vou falar um pouco sobre a pele oleosa.























PELE OLEOSA.

 Para manter a pele bonita e saudável exige cuidados diários, e essa ideia se reforça ainda mais se a pele for oleosa. 

A oleosidade pode ser uma característica permanente da pele e momentânea, pode ser desencadeada por estresse, variação hormonal, alimentação, e até mesmo no uso incorreto de cosméticos pode deixar a pele oleosa e com os poros abertos, exposição ao sol,  entre outros.

Normalmente, a oleosidade da pele se encontra na chamada zona T do rosto, nariz testa e queixo, e pode resultar em aparecimentos de puntos negros, cravos e acnes.

 Por esses motivos a pele oleosa necessita de alguns cuidados especiais. ;)

VAMOS AOS CUIDADOS BÁSICOS DIÁRIOS:

 O cuidado principal é usar os produtinhos indicados para a pele oleosa. ;) 

1- HIGIENIZAÇÃO-Lavar os rosto com sabonete com ativos que controlam a oleosidade do rosto, como ácido salicilico ou glicólico.

2-TONIFICAÇÃO- Após a higienização o ideal é tonificar a pele com loção adstringente para regular o PH da pele, que além de controlar a oleosidade, deixa os poros bem fechadinhos. 

3- HIDRATAÇÃO- Quem acha que pele oleosa não pode ser hidratada está enganado. heheh
a hidratação sempre é importante para manter o manto hidrolipidico da pele em equilíbrio. Quer uma dica? vitamina C em sérum. Eu adoro vitamina C e sempre indico para minhas clientes e elas amam de paixão, pois ela hidrata, nutre a pele, deixa com aspecto macio, sedoso, ajuda no combate a acne e controla a oleosidade. não é o máximo? Não tem como não amar a vitamina C gente. <3  <3

4-PROTEÇÃO- Indispensável no cuidado da pele. Gente, adiante tirar a sujidade da pele tonificar e hidratar e não proteger? ainda mais se for sair, que lá fora é um sol de fritar e queimar qualquer fototipo de pele.
 Então, vamos usar filtro solar para manter nossa pele bem protegida dos agressores externos.
Ahh, lembrando que, o filtro solar indicado para pele oleosa deve ser oil-free (livre de óleo), existem vários no mercado e de várias texturas. Particularmente eu amooo  filtro solar em pó, e minhas clientes então estão apaixonadas pela versão, pois além de proteger você fica maquiada, com a pele livre de oleosidade e leeendaaaaaaa.  
                                        


TRATAMENTOS ESTÉTICOS:

Os peelings continuam sendo a melhor opção para o controle da oleosidade. É ótimo pois abrange e trata varias patologias como acne, manchas, ruguinhas, além de deixar a pele macia, menos espessa e diminui os poros.
Tem o desincrust que trata somente a oleosidade da pele, Laser Co2, enfim, entre vários tratamentos que podem ajudar a controlar a oleosidade da pele. 

Para agendamentos mandem um zap para 982019662- Jucy Coelho ;)

Então é isso gente linda, caso seja esse seu caso,  consulte um esteticista  para lhe indicar o melhores produtos( desde o sabonete, tônico adstringente, hidratante e filtro solar)  
 Fica as dicas! espero que tenham gostado. ;) 
 ;) <3 
Afinal, é fundamental se sentir bem com sua aparência!

terça-feira, 26 de abril de 2016

Mocajubana!

Elizabeth Maciel
reprodução


Essa é  Elizabeth Maciel, a Bebeti. Nossa princesa negra, de ébano.
Guerreira.
Nossa gente, 
Que constrói a cidade.
Que sustenta a vida.
Que não tolera mais abusos.
+1


domingo, 24 de abril de 2016

Vamos falar de estética e saúde? [Juce Lopes]

Olá pessoal, tudo bem?

Primeiramente quero agradecer a Carmem Américo, dona do blog por ceder um espaço aqui para publicar um pouco do meu trabalho. Beijo Carminha😘;

Bom, meu nome é jucinele coelho, tenho 30 anos🙈🙊, filha de pais mocajubenses e atualmente moro em mocajuba. 

Muitos me conhecem e me chamam por Jucy. Também acho mais prático e melhor hhehehe...
Sou técnica em Estética e trabalho na área.


 Irei aparecer por aqui de vez em quando, para compartilhar informações e dicas sobre o assunto que eu amo que é a beleza e saúde  da pele.






Espero que vocês acompanhem as postagens e se sintam à vontade para dar sugestões, pois meu foco é passar conteúdos interessantes que ajudem vocês.
Beijos até o próximo post. ❤😘🌹

sexta-feira, 22 de abril de 2016

Mocajubenses De Estilo Marcante : Phânny Jhennyffer


Repare na "pinta" de artista.
Ela faz parte de vários projetos de dança na cidade.
Mocajubana.
É chegada a hora de se pensar seriamente no jovem da cidade.

segunda-feira, 18 de abril de 2016

Mocajuba: Moradores denunciam falta de iluminação pública no Bairro da Pranchinha e os problemas derivados



Desde 1995, no Pará, as prefeituras são responsáveis pela iluminação pública.
E recebem recursos financeiros para tal atividade.


Em Mocajuba (Pa) moradores e moradoras denunciam a falta de iluminação e a exposição da população a riscos por conta do problema. Destacam que há uma escola no bairro e que a atividade fica comprometida por conta conta do escuro.


A Constituição determina que ao instituir a cobrança, o executivo municipal deve a prestar o serviço de forma eficiente, adequada e contínua. Além disso, Código de Defesa do Consumidor também prevê que os consumidores têm o direito de exigir a correta prestação do serviço pelo município. 



As ações civis públicas são instrumentos destes casos - visando obrigar o executivo local cumprir seu papel.


Importante ainda que, se o serviço não é fornecido, a prefeitura deve ressarcir os valores cobrados - contudo, tais ações são de caráter individual. 


Bem, os moradores e moradoras não precisam pedir. 
É um direito assegurado pelos seus próprios bolsos.


sábado, 16 de abril de 2016

Professor desabafa nas redes sociais e mostra ação comunitária na Escola São José de Acapu diante da ausência de ação do governo municipal





Professor Dioleno Coelho desabafa nas redes sociais e mostra a situação em que a Escola Municipal São José de Acapu, uma das Escolas Pólo construídas depois de duas décadas de luta popular como parte do programa de compensações ambientais e sociais da Eletronorte - empresa responsável pela Hidrelétrica de Tucuruí. 



Diante das condições apresentadas pela escola, os professores, professoras e a comunidade ocuparam o lugar do governo municipal fizeram um mutirão para limpeza do local.



Mocajuba (PA) parece viver um novo tempo em que os munícipes assumem a função de protagonistas e cuidam da cidade.  



Há mais coisas acontecendo,
Novidades sob o sol mocajubano!
Nosso parabéns a todos e todas.


*****
O Antes !


























O depois !
****























sexta-feira, 15 de abril de 2016

Mocajuba (PA) e sua tradição em formar marinheiros!

Paulo Nilson,
Mocajubano

[...]

Um dia eu percebi, a vida é mais doce pra você, tem um gosto que eu nunca conheci, feche os meus olhos e me faça sonhar, diga pra eu parar de me preocupar, me mostre como sempre acreditar. Eu quero acelerar o tempo corre e eu preciso te alcançar (De ElanePaes Para JuliePaes).

Corte do Bolsa família atinge aqueles que recebem o Bolsa Família! Em Mocajuba (PA) muitos saíram da Casa Lotérica em Prantos!




Mocajuba (PA) e toda a região do Baixo-Tocantins, têm atividade pesqueira, e milhares de pescadores estão registrados para receber o seguro de um salário-mínimo mensal nos quatro meses do período de defeso - quando a atividade é proibida. 

Desde dezembro de 2015 vêm sendo anunciadas, pelo governo federal, as novas regras do Bolsa Família e sua relação com o Seguro Defeso.  

Tais regras referem-se a suspensão do pagamento da Bolsa Família nos meses de recebimento do seguro defeso (de 1º de dezembro a 31 de março). Contudo, muitos receberam os dois benefícios regularmente. Porém, a suspensão chegou e ao tentar sacar o recursos há a seguinte mensagem no extrato:


"Benefício suspenso. Alguém de sua família recebeu o Seguro Defeso para Pescadores Artesanais. Pela lei Benefício da Bolsa Família ficará suspenso por igual período".


Importante: mesmo que o beneficiado não seja o responsável familiar, o benefício será suspenso.
Importante: Durante a suspensão as famílias devem cumprir normalmente as condições do Programa Bolsa família. Caso contrário terão o benefício suspenso.


Pois bem. Mocajuba (PA) recebe milhões todos os anos através das transferências de renda do Governo Federal. As famílias sentiram. O comércio ressentirá, afinal esse recurso circula no baixo circuito da economia: mercadinhos, lojas, feiras, armarinhos.


Urge que se pense formas de geração de emprego e geração de renda para a cidade. Seja para substituir, seja para complementar tais programas. Temos potenciais. E podemos trazer novas possibilidades para quem vive no campo e na sede municipal. Basta cessar um pouco a briga pura e simples pelo poder e repactuar o cuidado com a cidade.



"Veja bem, meu amigo, a consciência é um orgão vital e não um acessório, como as amígdalas e as adenóides."(Martin Amis)

Leitores do Amazônidas por ai...


localizar