quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Mocajuba Perdeu o filho mais ilustre dos últimos tempos... Ilustre porque querido pelo povo, pelos que não são do povo...

Desde que entrei para o mundo virtual nos idos dos anos 2000, eu acho, - esse foi o pior dos meus escritos, a pior experiência nesse mundo da comunicação virtual. O fiz em minha página pessoal na rede social FACEBOOK, naquela noite de domingo,  para confirmar a todos a morte de meu irmão mais velho Manoel Maurício da Silva Américo, o primogênito dos seis filhos de Dona Alzira Américo e de José Miguel Américo. 

Estou preparada pra todas as guerras mas não para essa. Escrevi esse post abaixo ao chegar do IML depois de conseguir em fim liberar o corpo de meu irmão para que pudéssemos enterrá-lo. E por uma questão de amor com aqueles que esperavam notícias. 
Mocajuba (PA) esperava a confirmação daquilo que todos já sabiam 
Hoje apenas é que re-li e vi quão grave era o que as pessoas leriam. 


(post do meu faceboook - na noite de domingo 25/08/20014)

Maurício Américo (1964-2013). Essa foto eu tirei em um dia em que ele me acompanhou numa pesquisa de campo do meu doutorado – fomos a comunidade da Santana no ano passado. Uma tarde de domingo.... Ele adorava comunidades, gente, alegria, coisas simples... Agora, acabo de chegar do IML – Belém da saga final de liberação do corpo. Imaginem, “do corpo”... Maurício Américo nunca será um corpo.... Dói. Ninguém jamais imaginará. A imagem do corpo dele que até a pouco eu via no necrotério do hospital, agora tinha uma linha grande costurada. Meu irmão, primogênito, Maurício Américo deveria morrer com pelo menos 112 anos, velhinho e enrugado contando histórias. A todos e todas que vivem em Belém, o velaremos daqui a pouco na Capela dos Capuchinhos até a manhã. Em seguida, partiremos para Mocajuba (PA) onde continuaremos o velório no Salão Paroquial (Centro).


Ele morreu, segundo a médica que entregou-me o  "corpo", por volta de 13 horas do Domingo dia 25/08/2014. 


3 comentários:

samara santos disse...

sinto muito querida e que Deus possa conforta o coração de tds seus familiares sei que não é fácil mas com fé em deus ele cuidara de tds vcs

samara santos disse...

sinto muito querida e que Deus possa dar forças a vc e sua família

Anônimo disse...

Para esse momento ninguém esta preparado, mas acredito que Deus confortará os corações dos seus familiares, o importante é que quem conheceu um pouco da vida do Maurício sabe que foi um lutador desde pequeno, sempre prezou as coisas boas da vida e isso é que fica pra todos nós que continuemos nessa jornada.

"Veja bem, meu amigo, a consciência é um orgão vital e não um acessório, como as amígdalas e as adenóides."(Martin Amis)

Leitores do Amazônidas por ai...


localizar